O Terrível Mono Red

Post Image
27 de outubro de 2017. Decks, Pauper Standard, Turbo Pauper Standard

O Turbo Pauper Standard Ixalan é domingo, e no post de hoje vocês vão poder conferir a lista do deck que está dominando o formato desde a rotação em setembro, o "Terrível Mono Red".

Em 21 partidas pela Liga Deck Store, foram 16 vitórias, 5 empates e nenhuma derrota, o que garantiu ao Rafael Willians, autor do deck, uma incrível vantagem de 22 pontos de vantagem sobre o segundo colocado na tabela, e de quebra, vaga garantida no Turbo.

Começamos com a base de mana, que contém apenas 19 terrenos. São 11 Montanha, 4 Deserto Abrasado pelo Sol e 4 Deserto da Fervorosa.

A lista de criaturas é um verdadeiro zoológico, com 26 criaturas (algumas versões podem ter um pouco mais ou um pouco menos).

Na curva 1 temos duas criaturas que parecem inofensivas mas que são essenciais para o deck.

Incitador da Sede de Sangue não tem muito mais o que fazer do que dar ímpeto para as outras criaturas que virão depois, e isso não é pouca coisa, né Fretista Renegado!?

Guardião do Santuário do Fogo é uma das raras exceções onde o representante vermelho de uma série não é o pior dos cinco, pois é um 1/1 com ameaçar que ignora a maioria dos bloqueios no início da partida.

A curva 2 possui mais um monte de criaturinhas funcionais que acabam sendo muito eficientes para a a quantidade de mana investida.

Instigadora da Frota Abissal é um 2/2 que seria apenas ok, mas podendo ter o seu ataque aumentado com as manas que vão sobrando, fica bem melhor.

Já o Ladrão de Ninhos é um 2/1 com ímpeto que pega a maioria dos adversários de surpresa no turno seguinte àquela sequência de remoções.

Mas o melhor drop 2 do deck é o Caçador de Éter, um 2/1 com iniciativa que ainda pode criar um token de servo ao atacar.

Na curva 3 temos as últimas 6 criaturas, com duas cópias de cada.

Bruto Obstinado é um 3/3 que apesar de não bloquear, ganha ameaçar na presença de outro pirata.

Infiltrador das Torres é uma figura conhecida desde os bons tempos do BR Veículos. Um 3/2 que causa 1 de dano toda vez que é virado, tornando-o um virtual 4/2 por 3 manas.

Por fim, Lagarto-raposo é um 3/2, mas que num deck que mantém poucas cartas na mão é virtualmente um 4/4 por 3 manas.

Na parte das mágicas que não são de criaturas, temos Choque e Disparo de Canhão de Fogo agindo basicamente como remoções para manter as suas criaturas atacando, além de Construído para Arrebentar para tornar os ataques ainda mais agudos.

Destacam-se também as cópias de Aeroesquife e Fretista Renegado que aproveitam situações onde as criaturas menores não podem atacar.

Jogando com ele

A principal linha de ação do deck, não surpreendentemente, é causar o máximo de dano possível nos turnos iniciais e finalizar com as criaturas maiores ou mesmo com Choque.

Para isso, ele conta com criaturas que são extremamente eficientes para a quantidade de mana que consomem, sendo que algumas delas ainda dificultam o bloqueio.

Isso frequentemente leva os pontos de vida do oponente a um nível onde mesmo com a mesa estabilizada, ele estará sob o risco de morrer para um top deck.

E um ponto muito importante a se notar é que enquanto boa parte das criaturas do deck se encontram na curva 2, as remoções mais comuns do formato estão na curva 3 ou acima.

Isso significa que na mioria das vezes, o oponente vai precisar investir 3 manas para cuidar de uma criatura que custou 2 manas ou menos, o que no passar dos turnos o deixa em uma posição cada vez mais desfavorável no balanço de recursos.

Além disso, com 26 ou mais criaturas, o deck fica numa posição muito boa para realizar trocas de combate sem se preocupar muito.

Jogando contra ele

Se o deck é mono red aggro, basta ganhar vida, certo?

Existem apenas 6 criaturas no formato com vínculo com a vida. Dessas apenas 4 tem a habilidade diretamente: Gato Sagrado, Soldado do Bispo, Afanador de Almas e Agente da Rainha. Isso nas curvas 1, 2, 4, e 6 respectivamente.

Camelo Solitário e Mecanopeia do Prakhata, ambos na curva 3, ganham vínculo com a vida condicionalmente.

Com exceção dos dois primeiros, é improvável que os outros proporcionem ganho de vida suficiente, a tempo de estabilizar o jogo.

E embora existam outras cartas que também recuperam pontos de vida, como A Vida Continua e Santuário do Rio Luxa, em geral elas chagam tarde demais e não recuperam pontos suficientes, pois o Fretista Renegado é especialmente bom em "anulá-las".

Resta então combater a sua principal win condition, ou seja, lidar com as criaturas da forma mais eficiente e rápida possível, com remoções que sejam capazes de lever mais de uma delas por vez ou mesmo com bons bloqueadores que inibam ataques gratuitos, principalmente nas curvas 1 e 2.

Na primeira turma, a das remoções, destacamos Tiro Duplo, Piro-hélice de Chandra e Esplêndida Agonia.

Além dessas, Salva Incandescente é uma opção muito comum para sideboard.

Como bons bloqueadores destacamos Besouro-das-dunas, um 1/4 "conta história" que entra no turno 2 e dá uma boa freada no ímpeto inicial do mono red.

Além dele, temos criaturas com apenas 3 de resistência, mas que ainda valem o risco: Sacerdotisa da Unção (num deck que tire proveito de tokens), pois ela pode voltar embalsamada e ganhar um ponto de vida, bem como Espreitador Feral, que "se substitui" quando morre.

Vale mencionar ainda Adivinha de Ixalli, que ou é uma 0/3 que te dá mais um terreno ou é um 1/4 que inspeciona o topo, por apenas 2 manas.

Como bônus point, vale citar Espreitadora da Quarta Ponte, que quase sempre vai matar alguém quando entrar em campo, Múmia Pustulenta, que em geral vai ser um 2 pra 1 e Dissidente Condenado que deixa um backup no seu lugar.

Conclusão

O mono red é um deck extremamente rápido e consistente, além de muito eficiente em consumir os seus recursos para ganhar o jogo o mais cedo possível.

Assim, a melhor forma de enfrentá-lo é tentar esgotar os seus recursos, empurrando o jogo para o late game, onde com mais manas disponíveis, os outros decks são capazes de estabilizar a mesa e virar o jogo.

Ganho de vida ajuda mas não é suficiente sozinho, pois o deck é capaz de continuar aplicando pressão mesmo na base do top deck.

Pelas combinações de respostas possíveis, as cores preto, vermelho e verde parecem despontar como as predadoras naturais para ele.

Turbo Pauper Standard

Diferente do que anunciamos no post passado, a transmissão ao vivo do Turbo Pauper Standard Ixalan poderá ser acompanhada pelo canal Magic Cast Brasil.

Turbo Pauper Standard Ixalan

Local: Deck Store Cards
Data: 29 de outubro de 2017 - 13h
Inscrições: R$ 30,00 - no site ou na loja

Premiação:

* 1 Box de Ixalan a cada 20 inscritos
* 1 Playmat exclusivo para o campeão
* 1 Optar FOIL de Ixalan no Rebound
 

Artigos relacionados:

No post rápido de hoje, dois decks pra faturar mole mole o desafio do Pauper Standard no Magic the Gathering Arena

No post de hoje trazemos para vocês o deck que tornou o Renato Silva obsoleto e foi a sensação das últimas rodadas da Liga Deck Store Modern

A temporada de Dominaria já está chegando ao fim. Confiram as datas dos últimos eventos da Liga Deck Store e preparem os seus decks para a grande decisão

Terça-feira é dia de Brawl, e no post de hoje trazemos uma lista que reúne os melhores veículos e pilotos de Kaladesh e será capaz de te colocar no topo do pódio do Brawl.

Sexta-feira é dia de maldade e no post de hoje temos um deck Pauper Standard que vai tirar os oponentes do sério